PATRIMÓNIO



Narrativas interativas no Património - Castelo de S. Jorge

Uma Janela para o Passado - Guia multimédia interativo 
Aplicação desenvolvida em colaboração com o Castelo de S. Jorge e que funciona como um guia multimédia de interpretação histórica e turística.

Narrativas interativas no Património - Castelo de S. Jorge


Introdução
No dia 15 de Junho de 1502 festejou-se o baptizado de D. João III, o muito desejado herdeiro de D. Manuel I. Integrado nestes festejos, Gil Vicente representou a sua primeira peça, o Auto da Visitação ou Monólogo do Vaqueiro. Propõe-se que o visitante reviva este dia através de uma aplicação móvel que servirá como uma lição de história “disfarçada” de intrigas palacianas.

Como funciona
Através do desenvolvimento de um guião ficcionado e interpretado por atores, pretende-se transmitir informações acerca do Castelo de S. Jorge de forma mais apelativa e imersiva. O visitante é livre de explorar o local de forma livre, sem um percurso obrigatório de visita, e serão as suas escolhas que irão gerar experiências personalizadas e diferentes possibilidades de desenlace da história.

Conteúdos georreferenciados - o visitante selecciona o que quer ver
A aplicação combina conteúdos de vídeo georreferenciados, o que permite explorar a informação sem ser obrigado a cumprir um circuito fixo de visita. O dispositivo móvel (através do GPS e do magnetoscópio) regista permanentemente a localização do visitante, apresentando os conteúdos relacionados com cada local. Com recurso a algoritmos complexos desenvolvidos para a aplicação, é possível calcular a posição do visitante assim como a sua direcção.  
O contexto global será apreendido através das diversas cenas que estão espalhadas pelo espaço físico do Castelo. Ao visualizar estas cenas, o visitante vai desenvolvendo uma percepção global da história e a informação é transmitida de forma indireta através dos diálogos e das relações entre personagens. O final da história é diferente em função do caminho percorrido pelo visitante.

Este projeto nasceu da tese de doutoramento do engenheiro Rui Avelans Coelho em parceria com a Samsung e integrado no seu doutoramento em Media Digitais do Programa UT Austin|Portugal.



TOP
Voltar ao topo